Escolha uma Página

Saiba também a diferença entre a limpeza caseira e a profissional

A pele está profundamente interligada com a nossa saúde, nossa autoestima e jovialidade. Uma pele bem cuidada é facilmente percebida e apreciada. Mas cuidar dela, muitas vezes, representa um desafio no qual precisamos de ajuda.  

A limpeza de pele representa um conjunto de tratamentos ou cuidados que fazemos (ou profissionais fazem) para manter a pele limpa (sem cravos, sujeiras ou células mortas), com os poros livres de resíduos para que possa respirar e absorver os cosméticos.   

Abordarei agora as principais formas de realizar este procedimento e o que esperar de cada uma delas.  

 

A limpeza de pele profunda profissional

 

Como fazer uma limpeza de pele adequada2

 

A principal (e ideal) forma de realizar a limpeza de pele é em uma clínica ou com um profissional qualificado (explicarei melhor o porquê ao final).  

Em casos em que a pele é mista ou apresenta grande oleosidade e cravos, o tratamento pode ser realizado mensalmente (se o dermatologista assim aconselhar). Mas em outros casos, ela pode ser feita de 2 em 2 meses.  

O procedimento pode variar de clínica para clínica, mas normalmente segue um padrão que consiste de:  

 

  1. Limpeza básica a pele: Normalmente são usadas loções (com Aloe vera por exemplo) para remover algumas impurezas maiores e a oleosidade.  
  2. Abertura dos poros: Usando de vapor de água ou ozônio, a pele é amolecida, facilitando a retirada de cravos e outras impurezas.  
  3. O esfoliamento: são feitos movimentos circulares (normalmente com uma gaze) para remover células mortas da pele, cravos e abrir ainda mais os poros. 
  4. Extração dos cravos: essa pode ser feita com as mãos (usando de loçao antisséptica) ou com um equipamento de ultrassom, a depender da clínica.  
  5. Máscara: é aplicada uma camada de uma máscara com efeito calmante para ajudar na comum vermelhidão e inchaço.  
  6. Filtro solar: pode ser aplicada uma loção com fator de proteção mínimo de 30 FPS, que ajuda a proteger a pele após o procedimento.  

 

É importante também que você procure clínicas e profissionais de confiança, que usam de bons equipamentos e produtos. Desconfie de promessas milagrosas ou preço muito abaixo da média.  

 

A limpeza de pele caseira 

 

Embora não seja o ideal, muitas vezes pode ser realizada uma limpeza de pele caseira,desde que se obedeça à alguns pontos principais:  

 

  • Lave bem o rosto  
  • Abra os poros adequadamente (com uma toalha quente por mais de 5 minutos por exemplo) 
  • Use produtos e óleos adequados a sua pele: produtos com alecrim podem ajudar peles oleosas, enquanto produtos com Rosa Mosqueta pode causar melhor hidratação.  
  • Cuidado para não machucar a pele com esfoliamento: a pasta para esfoliar deve ser aplicada de maneira intensa, os movimentos devem ser circulares e bem leves 
  • Hidrate seu rosto novamente e use filtro solar caso faça durante o dia.  

 

A importância do profissional na limpeza de pele 

 

Como disse acima, o ideal é que o a limpeza seja feita sempre (ou em vezes alternadas) em uma clínica ou com um profissional. 

Isso por que, além de ser feita a limpeza com os melhores produtos e equipamentos, o profissional também avalia e acompanha a saúde da sua pele, verificando inflamações, irritações entre outras coisas.  

Há também, casos nos quais a limpeza de pele não é aconselhada, como por exemplo quando há espinhas inflamadas ou com a pele bronzeada. E com um profissional, você garante que está realmente fazendo bem a sua pele.  

Entre em contato para falar com um de nossos profissionais! Será um prazer te atender!